Expedições
 
Expedição Colomé
Expedição Colomé
A expedição foi decida somente 4 dias antes, ou seja, no dia 20 de dezembro decidimos encarar o noroeste da Argentina. A equipe tinha o Wladimir na Range Rover com a Neiva, a Pamela e o Miguel. Na Sorento vinha o Estima e a Valeria e na Toyota estavam o Cristiano, Beth e o João Pedro. No Wrangler seguiam a Leticia e eu, prontos para descobrir o segredo do vinho produzido na maior altitude do mundo.

A saída foi em Porto Alegre no dia 25, Natal, após o meio dia. Tocamos direto até Uruguaiana onde fizemos os procedimentos de fronteira, abastecemos e trocamos dinheiro. 650 km bem na boa.
No dia 26 o desafio eram os 1.200 km até Salta, nada no caminho. A tocada foi até Corrientes onde abastecemos e fizemos um almoço de sanduíches dentro do carro, não dava pra perder tempo. A passagem pelo Deserto del Chaco, foi tranquila e a chegada foi no inicio da noite. O bom hotel Casa Real fica próximo da rua Balcarce, onde ficam os bares e restaurantes desta cidade tão bacana, então o negocio foi relaxar comendo um bife de chorizo e um vinho nacional...

O dia 27 foi escolhido para encarar a altitude de 4.000 metros, saímos sem muita pressa e passamos onde foi feito o lançamento da nova Ford Ranger, bem no pé da montanha. Logo adiante já encontramos os trilhos do Trem das Nuvens, Agora a subida de montanha teria sempre a estrada de ferro turística ao nosso lado. No roteiro encontramos trechos de ripio, asfalto e até leito de rio. A passagem foi em Abra Branca, ali contornamos o Nevado del Acay e entramos no ripio acima dos 4 mil metros.

Quando chegamos em San Antonio de los Cobres a altitude começou a cobrar seu preço, depois de comer umas empanadas o Miguel o João Pedro apagaram. Os outros com mau humor, sono e um barulhento silencio no radio. O viaduto La Polvorilla foi visitado mais pela obrigação, afinal todos queriam descer para os 1.200 metros de Salta. Nem o tradicional Chá de Coca embaixo do viaduto nós tomamos.

No dia seguinte o roteiro nos levou até Purmamarca, seguimos pela Ruta 9. A estrada não tem 100 metros de reta, somente curvas e mais curvas. O almoço foi na Casa de Adobe com boa comida e bom vinho, além disto tinham as lhamas para brincar e tirar fotos. Na tarde foi possível curtir a beleza do Cerro 7 Colores, uma montanha que envolve a cidadezinha e também as comprinhas nos artesanatos locais.

A chegada em Salta foi no fim de tarde, amanhã vamos para Cafayate.


Data: 25 a 28 de dezembro 2012
Data: 25/12/2012


Galeria de fotos
Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar
 
Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar
 
Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar
 
Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar
 
Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar
 
Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar

Savarauto

CURTLO

Atitude 4x4

Artsom

Brasil GPS Garmin

Corte Zero

Fade Vídeo

Fazenda Pampeana

Palmeira Pastos

msmidia.com
Home | Empresa | Eventos | Expedições | Aventuras | Contato

Copyright 2003-2016 - www.chakal.com - Todos os direitos reservados.