Expedições
 
Expedição Colomé
Expedição Colomé
Depois de festejar o ano de 2013 nós voltamos para a estrada, deixamos para trás Cafayate e sempre sem pressa passamos por Tolombom. Uma chuvinha nos fez passar batido pelas ruinas de Quilmes e seguir para Tafi del Valle. A subida de montanha em pleno deserto é uma coisa fantástica, neste trecho o que dominava era o Cardon, aqueles cactus enormes. Paramos varias vezes para conferir a beleza deste lugar.

No topo desta passagem da pré cordilheira chegamos aos 3 mil metros de altitude, com neblina e frio de 8 graus em pleno verão. Mais adiante, quando começa a descida chegamos em Tafi, tudo em um verde muito vivo. Nada a ver com a paisagem de deserto que encontramos até agora. Encontramos um bom restaurante e aproveitamos a umidade deste lugar especial.

Na sequencia encaramos a descida de montanha no meio de uma floresta, definitivamente o deserto ficou para trás. Depois de 100 km chegamos em Termas de Rio Hondo, o Hotel
tinha apenas 2 meses, novinho da silva. Era a hora do relax na piscina de aguas termais e aproveitar o spa de primeira linha.

No dia 2 ninguém queria ir embora, todos concordaram em passar mais um dia aproveitando o hotel, o Cristiano que voltava de Porto Alegre e nos encontraria em Paraná que aguardasse a nossa chegada...

Pela manhã vimos as obras do autódromo e museu que estão construindo por lá e passeamos pela barragem onde alguns pescadores disputam os peixes com um bando enorme de biguás. Bonito.

De noite o Estima e a Valeria encararam o Casino e voltaram com uns pilas nos bolsos.

No dia 3 cruzamos 700 km até a passagem Santa Fé-Paraná onde um tunel cruza por baixo do Rio Paraná. O Cristiano enfim encontrou o grupo, de noite celebramos com o Secretário tomando um bom vinho. O Estima disse ganhou no Casino do hotel novamente.

O dia 4 era só deslocamento de novo, entramos no Uruguai por Concordia e seguimos até Artigas. Dali seguimos direto para as compras de Rivera. Eu não comprei nada, já estava lotado com os vinhos de Cafayate, não cabia mais nada no Jeep. Mas o pior era a tensão, pois no dia seguinte teria que passar pelo controle da receita federal, como explicar que aquelas caixas cheias de vinho não eram minhas...

Mas tudo bem, passamos sem problemas e encerramos o nosso passeio orgulhosos de trazer alguns dos melhores vinhos argentinos.

Só pra constar, todos foram jogar no Casino. Eu perdi tudo bem rápido, o Estima disse que juntou mais uns trocados no poker. Desisto!


Data: 01 a 05 de janeiro
Data: 01/01/2013


Galeria de fotos
Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar
 
Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar
 
Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar Ampliar

Savarauto

CURTLO

Atitude 4x4

Artsom

Brasil GPS Garmin

Corte Zero

Fade Vídeo

Fazenda Pampeana

Palmeira Pastos

msmidia.com
Home | Empresa | Eventos | Expedições | Aventuras | Contato

Copyright 2003-2016 - www.chakal.com - Todos os direitos reservados.